Vettel neutraliza ‘nó tático’ da Mercedes e vence no Bahrein

Piloto alemão é surpreendido por estratégia de uma parada da Mercedes, mas resiste a ataques de Bottas e leva segunda no ano

A estratégia da Mercedes para Lewis Hamilton, de apenas uma parada após o britânico sair de nono, quase fez Valtteri Bottas vencer o GP do Bahrein neste domingo (8). Pole position, Sebastian Vettel caiu no blefe da Mercedes de parar mais cedo do que deveria. E quando o time alemão foi para os pits, colocou pneus médios nos dois carros para tentar ir até o fim, enquanto a Ferrari havia colocado pneus macios para Vettel fazer duas paradas. Isso fez o time de Maranello assumir o risco de deixar Vettel na pista, enquanto Bottas o alcançava cada vez mais no fim da corrida.

Mesmo com o final dramático, o piloto alemão se segurou e venceu sua segunda corrida nesta temporada – seu quarto triunfo no Bahrein. Bottas conseguiu DRS apenas nas duas últimas voltas, mas não pôde chegar próximo suficientemente de Vettel, e teve que se contentar com o segundo lugar. 

Lewis Hamilton foi o terceiro depois de sair de nono. Ele fez a manobra de ultrapassagem da corrida, passando três carros ao mesmo tempo logo após um Safety Car Virtual no início.

untitled1Foto Divulgação

Em quarto, Pierre Gasly marcou seus primeiros pontos da Fórmula 1 com uma prova bastante sólida. É o melhor resultado da Toro Rosso na F1 desde a vitória de Vettel em Monza em 2008. Kevin Magnussen foi o quinto com Haas, à frente de Nico Hulkenberg, da Renault.

Fernando Alonso foi o sétimo, à frente do parceiro Stoffel Vandoorne da McLaren, Marcus Ericsson, da Sauber, e Esteban Ocon, da Force India. 

O destaque da corrida aconteceu na volta 34, quando Kimi Raikkonen foi para os pits. O piloto foi liberado sem que um de pneus pneus fosse trocado. Mas o pior foi que o finlandês passou por cima da perna de um de seus mecânicos, que sofreu uma fratura séria e teve que ser levado para o hospital. Kimi foi obrigado a abandonar na saída do pit.

A Red Bull teve dia para esquecer. Seus dois carros abandonaram a prova com seis voltas completadas. Primeiro, Ricciardo saiu com problemas mecânicos. Depois, Verstappen foi obrigado a sair depois de furar o pneu em um toque com Hamilton. O holandês ainda foi ao pit, mas parou na pista na volta.

 

A próxima etapa acontece na semana que vem, na China.

Créditos: motorsport.com

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s