Red Bull: Verstappen se tornou “claramente” melhor que Ricciardo

Consultor do time acredita que evolução apresentada em 2018 fez com que holandês chegasse a nível diferente

O progresso de Max Verstappen o fez ultrapassar seu ex-companheiro de equipe na Fórmula 1, Daniel Ricciardo, tanto em qualificação quanto em corrida de acordo com o consultor de automobilismo da Red Bull, Helmut Marko.

Verstappen e Ricciardo andaram de maneira igual em seu tempo juntos na Red Bull, desde o início de 2016 até o final do ano passado, embora Verstappen tenha desfrutado de uma campanha melhor em 2018 no geral.

Ele igualou Ricciardo, que se mudou para a Renault em 2019, com duas vitórias, mas conseguiu mais nove pódios. Marko acredita que Verstappen se estabeleceu como um piloto “claramente” melhor.

 

daniel-ricciardo-red-bull-rac1-Foto Divulgação

“Há dados específicos”, disse Marko ao Motorsport.com. “Em classificação a diferença para Ricciardo é maior. Na corrida ele também é um pouco mais rápido”.

“O estranho é que Max às vezes escorrega mais que Ricciardo, mas ainda consegue manter os pneus bons. Isso se desenvolveu. Quando ele chegou aqui, ainda não era assim”.

“Em 2017 Ricciardo recuou um pouco, mas reconheceu isso e depois trabalhou intensamente com seu físico e em outras coisas em si mesmo. Então ele chegou perto de Verstappen novamente. Mas na segunda metade da temporada de 2018, Verstappen claramente se afastou.”

Marko disse que a Red Bull “lamenta” a saída de Ricciardo por conta da forma como ele impulsionou Verstappen e como ambos trabalharam juntos. No entanto, ele acredita que Verstappen provou em 2018 que ele se tornou um piloto mais forte.

Verstappen terminou a temporada em quarto lugar no campeonato, à frente de Valtteri Bottas, da Mercedes, mas ficaria em terceiro lugar, à frente de Kimi Raikkonen, da Ferrari, não fosse por seu incidente polêmico no GP do Brasil com Esteban Ocon.

Os melhores resultados de Verstappen na F1 vieram após incidentes com Lewis Hamilton, Sebastian Vettel e Daniel Ricciardo no começo deste ano.

“Os problemas básicos eram uma certa falta de controle e impaciência”, disse Marko sobre Verstappen.

“O ponto é que Verstappen é rápido o suficiente. Ele não precisa provar constantemente que é o mais rápido. Ele não precisa disso. Ele já tem uma imagem que em disputas é melhor não mexer com ele.”

Por: Scott Mitchell
Co-autor: Christian Nimmervoll
Disponível em: br.motorsport.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s